top of page

Você já conhece os pães alemães?


Hallo, Leute! Wie geht’s?

Já apresentamos para vocês algumas delícias da culinária alemã. Hoje queremos trazer mais algumas: os pães alemães. Há uma grande variedade de pães na Alemanha (mais de 3000 tipos, segundo o site “brotexperte.de”) e contaremos um pouco sobre alguns deles neste texto.

Em primeiro lugar a palavra alemã para pão é “das Brot”. Os nomes dos pães, geralmente, são compostos e a primeira palavra indica a particularidade do pão. Por exemplo:

Vollkornbrot (pão integral)
Weizenbrot (pão de trigo)
Dinkelbrot (pão de espelta, ou trigo-vermelho)
Haferbrot (pão de aveia) e muitos outros.

É importante observar que estes pães são assados em formas grandes e de várias formas também (quadrado, redondo, oval etc.). Também existem pães pequenos, estes são os “die Brötchen” (ou “die Semmel” em algumas regiões) e são igualmente muito variados. A composição de seus nomes segue a mesma lógica dos pães grandes.

Assim como no Brasil, muitos supermercados na Alemanha têm suas próprias padarias para dar conta da demanda de pão. Os alemães amam pão!

Agora vamos, finalmente, falar com mais detalhes sobre alguns dos pães alemães.

Um dos pães mais famosos com certeza é o “Mischbrot”. Como diz o nome (“Misch” vem do verbo “mischen” que significa misturar), é um pão feito com farinha de trigo e farinha de centeio. Por isso, ele nem é muito escuro nem muito claro. Esse pão é muitas vezes fatiado finamente e servido com manteiga, queijo ou geleia. Além disso, ele é uma ótima opção para sanduíches, pois sua consistência firme o torna um suporte ideal para diversos recheios.

O “Roggenbrot” (pão de centeio), é amplamente consumido na Alemanha. Com um sabor mais intenso do que os pães feitos com trigo, ele é apreciado por sua textura densa e mastigável.

Existem inúmeros outros pães regionais na Alemanha. Por exemplo, o Schwarzbrot, um pão preto feito com centeio e malte, é uma especialidade do norte do país. Já o Bauernbrot (pão de fazendeiro), é um pão de trigo escuro e denso, geralmente assado em uma forma retangular. Cada região possui seus próprios pães tradicionais, muitas vezes transmitidos de geração em geração.

Mas nem todo pão se chama “Brot”, alguns tem nomes bastante diferentes como o seguinte:

Originário da região de Nordrhein-Westfalen, no oeste da Alemanha, o Pumpernickel é um pão de centeio escuro e denso. Feito de grãos inteiros de centeio, ele é assado lentamente em um forno a baixa temperatura por longas horas. O resultado é um pão com uma crosta espessa e escura e uma textura compacta. Ele é frequentemente servido com queijos, embutidos e patês, sendo uma escolha popular para um tradicional café da manhã alemão.

Você já conhecia esses pães? Deixamos algum pão que você gosta de fora? Conte-nos nos comentários qual o seu pão alemão favorito e qual destes você gostaria de experimentar.

Guten Appetit!

Fique por dentro de todos os posts!

Obrigada por se inscrever!

banner lateral.png
bottom of page